Apesar de serem um sucesso há relativamente bastante tempo, os jogos eletrônicos nunca estiveram tão em voga: segundo dados da Associação Brasileira de Desenvolvedores de Games, só no Brasil o setor de jogos e entretenimento digital movimenta mais de R$ 900 milhões por ano – um número que só cresce.

E assim como nos filmes, livros e álbuns musicais, há sempre os títulos mais responsáveis por essa popularização, mas você sabe quais são eles? Justamente para que você não saia por aí sem conhecê-los, decidimos informar, logo abaixo, os 5 games mais vendidos de todos os tempos, de acordo com a Forbes. Veja só!

5º: Super Mario Bros. (Aprox. 40 milhões)

O clássico da Nintendo estreia a nossa lista mostrando que, para ser um sucesso de vendas, não é necessário estar presente nas plataformas mais modernas. Vendendo aproximadamente 40 milhões de cópias, o título é um verdadeiro clássico e nem é o game mais vendido da Nintendo.

Os motivos pelos quais ele se encontra neste ponto da lista são vários: além de ser comercializado como acompanhamento do NES na década de 80, o que ajudou a elevar o seu número de vendas, a marca dos 40 milhões não figura em relançamentos e edições especiais apresentados posteriormente.

Exatamente por isso nos rendemos ao número de vendas oficiais contabilizado pela Nintendo, o que dá a Super Mario Bros. a posição de quinto game mais vendido da História. 

4º: Grand Theft Auto V (65 milhões)

Quando GTA V aparece em alguma lista, pode apostar que ele está representando grandes coisas. Sendo o quarto jogo mais vendido até hoje em todo o mundo, ele também é um sucesso financeiro para a Rockstar: só no seu primeiro ano de vendas, em 2014, US$ 1,98 bilhão foram lucrados – um valor que, de lá para cá, deve ter dobrado com o modo multiplayer.

Ao todo, são 81 km² (estimados) e mais de 200 veículos para serem explorados, tudo isso na pele de três protagonistas e com uma infinidade de ações possíveis no modo multijogador. Em GTA V, todo o drama, a adrenalina e a ação envolvidos nos títulos anteriores são levados ao extremo, desta vez com gráficos que surpreendem até mesmo os mais exigentes.

3º: Wii Sports (82 milhões)

Por essa você não esperava, não é? Não que Wii Sports seja ruim, afinal ele certamente foi pioneiro na ideia de jogatina interativa, algo que nós buscamos muito hoje em dia. Mas algo que certamente motivou tantas cópias vendidas foi o fato de o game estar vinculado a toda unidade vendida do Nintendo Wii – que, por sua vez, atingiu por volta dos 100 milhões de exemplares comercializados.

De um modo ou de outro, Wii Sports foi o jogo que melhor aproveitou as capacidades diversificadas do console: nele, você podia utilizar os controles para simular esportes, em variações que iam do mais óbvio jogo de tênis ao bobsled – esporte em que trenós em pistas de gelo competem uns contra os outros em corridas cronometradas. 

2º: Minecraft (107 milhões)

Copiando um pouco a estratégia do nosso primeiro colocado, Minecraft se tornou o segundo jogo mais vendido do mundo por ser multiplataforma. E ao contrário de outros títulos presentes aqui, o que impressiona na marca feita por Markus Notch, criador do game, é o fato de tanto sucesso ter surgido em tão pouco tempo; afinal, Minecraft tem só 5 anos de vida – menos ainda se eliminarmos suas versões experimentais.

Nele, você é convidado a explorar um mundo inteiro feito por blocos, podendo jogar nos modos de criação ou survivor. No primeiro, infinitos blocos permitem a você criar e reproduzir qualquer estrutura que você possa imaginar, basta ter paciência. Já no segundo, a dificuldade aumenta porque você passa a ter de minerar os elementos mais raros e sobreviver às criaturas do jogo.

1º: Tetris (495 milhões)

Tetris é uma prova bastante antiga de que a multiplataforma é o futuro: o game está disponível em qualquer coisa com teclas e uma tela, é incrível. Desenvolvido por Alexey Pajintov e dois amigos em plena União Soviética, o título nunca foi patenteado por seus criadores e, por isso, pôde ser copiado pelas mais diversas desenvolvedoras em todo o mundo.

Sua jogatina simples e extremamente intuitiva faz com que qualquer um possa jogá-lo e ficar viciado, o que mais uma vez nos explica o motivo de ele estar presente em tantos dispositivos. Com mais de 495 milhões de cópias vendidas, o game tem quase 33 anos de vida e está muito à frente de qualquer outro que se possa imaginar, ao menos no quesito vendas.

***

Que lista poderosa, hein? Que nomes você imaginava ver aqui? Permita-nos saber aqui na seção destinada aos comentários, logo abaixo.