Em abril de 2014, a Google e a Nintendo se uniram para criar uma brincadeira de 1º de abril na qual os usuários do Google Maps poderiam encontrar pokémons em diversos lugares do globo. Porém, o que deveria ter sido apenas um passatempo se tornou algo real, pois foi dessa investida que veio a ideia para o desenvolvimento de Pokémon GO. 

A informação acima foi confirmada por Setsuto Murai, um dos presidentes da Niantic (empresa responsável pelo jogo para dispositivos móveis), em entrevista à revista Famitsu (via Nintendo Everything). Na ocasião, ele mencionou que aquela foi uma oportunidade de fazer com que mais pessoas se relacionassem com o universo dos bichinhos de bolso, e que pouco tempo depois já havia uma conversa sobre um projeto futuro. 

“Aquele Pokémon Challenge foi uma oportunidade para nós de construirmos uma relação entre o público e o universo de Pokémon, e então o presidente [da Pokémon Companhy] Tsunekazu Ishihara e John [Hanke, diretor-executivo da Niantic] tiveram a oportunidade de se encontrar e conversar. Naquela época as visões e os pensamentos de ambos estavam bem próximos, e, como se fosse uma união de seus espíritos, a conversa passou a ser algo como ‘vamos fazer algo juntos no futuro’”, explicou Murai. 

Agora é uma questão de tempo para ver se toda essa brincadeira realmente entregará tudo aquilo que promete – e nem vamos precisar esperar muito para conferir, pois Pokémon GO está agendado para chegar aos dispositivos com sistemas iOS e Android em 2016 e será mostrado durante a GDC 2016.

Que outra brincadeira de 1º de abril tem uma ideia perfeita para se tornar um jogo? Comente no Fórum do TecMundo