A última atualização da Valve para Counter-Strike: Global Offensive trouxe uma série de novidades para os jogadores. Além de um novo "replay da morte" – a chamada "killcam" – e alguns ajustes nos tempos, a chegada de uma nova arma, a R8 Revolver, acabou gerando muita polêmica.

Caso você não tenha acompanhado as últimas notícias sobre essa nova opção para os jogadores, a R8 veio para ocupar o mesmo "slot" da Desert Eagle como uma arma secundária. O grande problema era o seu poder destrutivo: com uma capacidade de penetração altíssima, essa arma conseguia ficar até parecida como uma AWP de "baixo custo".

Dados da R8 Revolver antes da atualização de CS:GO.

Outros aspectos acabaram fazendo com que a utilização da R8 se tornasse uma sacanagem tremenda, como a sua precisão e a alta recompensa para o jogador quando ele mata um oponente. Mas a Valve parece ter ouvido o "rugido" dos que estavam reclamando sobre essa arma, e entregou uma atualização complementar ao update de inverno que chegou na última terça-feira (08).

Através do blog oficial de CS:GO, a empresa comunicou que aplicou uma correção no dano da R8 Revolver, reduzindo o dano que a arma causa de 115 para 86. O revólver ainda continua sendo extremamente poderoso, ao passo em que mantém as vantagens para aqueles que tiveram um começo de partida meio ruim. Será que essa será a última atualização que a Valve vai precisar aplicar para corrigir o balanceamento dessa arma destruidora?

Já experimentou a R8 Revolver? O que está achando do seu poder de fogo? Comente no Fórum do TecMundo Games!