Neste mês, a Ubisoft pegou muitos fãs de Assassin’s Creed de surpresa ao anunciar que não vai lançar um novo jogo da série neste ano, dando a entender que ela provavelmente terá um novo título em 2017. Porém, isso não significa que outro game inédito estará nas lojas em 2018, pois a produtora tem outros planos para o futuro da franquia. 

Em uma reunião feita recentemente com os acionistas da produtora francesa, Yves Guillemot, diretor-executivo da empresa, anunciou que é pouco provável que a série retorne a ter novos games lançados em uma sequência anual. 

“O objetivo não é voltar automaticamente a um ciclo anual, mas sim adotar uma base regular [de lançamentos]. Não podemos dizer que isso [vai acontecer] todo o ano”, comentou Guillemot em entrevista ao site gamesindustry.

Interromper para melhorar 

Na ocasião da divulgação de que Assassin’s Creed não teria um novo título este ano, a produtora francesa informou que vai usar o tempo extra de desenvolvimento para evoluir as mecânicas do jogo e garantir que entregará jogos capazes de oferecer experiências únicas e memoráveis. 

Caso os games mais recentes sirvam de indícios, rumores que estão circulando na rede podem dar indícios de que o próximo game da série não siga avançando no tempo, mas faça exatamente o contrário. Você pode saber mais acessando esta notícia, mas tenha em mente que há alguns spoilers nela, uma vez que ela traz alguns dados de Assassin’s Creed Chronicles: Russia e outros games (ou seja, clique no link por sua conta e risco). 

Vale lembrar, tal decisão também leva em conta a resposta dada pelo público às vendas de Assassin’s Creed Syndicate, que foram mais baixas após todos os problemas que aconteceram no lançamento de Asssassin’s Creed: Unity.

Você acha que a Ubisoft está fazendo certo ao deixar Assassin's Creed como uma série com lançamentos em intervalos regulares? Comente no Fórum do TecMundo