A desenvolvedora Turn 10 Studios confirmou uma série de detalhes de Forza Motorsport 7, anunciado durante a conferência da Microsoft na E3 2017.

As primeiras informações são sobre a campanha. Ela foi totalmente refeita pela equipe, vai se chamar "The Driver's Cup" e apresentar seis grandes competições. Você terá bastante liberdade na escolha do veículo que deseja conduzir, seja carros da NASCAR, os muscle cars americanos, modelos exóticos e muito mais.

Os pontos ganhos por boas colocações na "Driver's Cup" vão liberando novos carros e equipamentos. O tamanho da sua coleçao de automóveis vai importar ainda mais e eventos darão novos modelos como prêmio.

O jogo também terá um caráter mais "pessoal" com a personalização do piloto. Essa função se chama Driver Gear e terá diversas formas de montagem do piloto, com equipamentos clássicos, icônicos de certas montadoras ou usando as mais modernas tecnologias — tudo depende da sua escolha.

E, se você gosta de provas de drift ou drag, temos uma má notícia. Nenhuma das modalidades estará na "Driver's Cup", somente no multiplayer. Além disso, a icônica pista japonesa nas montanhas Fujimi Kaido não estará presente.

Nada de trapaças

Sabe aqueles jogadores malandros que batem de propósito ou cortam curvas no online? O diretor criativo do game, Bill Giese, confirmou que a desenvolvedora vai punir esses pilotos.

O novo sistema de penalização engloba essas e outras atitudes antidesportivas e pode significar duas coisas: tempo adicionado no seu desempenho final ou até um marcador no seu nome que avisa que você joga sujo.

Guarde espaço

Por fim, uma pista na página de armazenamento do game pode ter confirmado um detalhe pesado. Forza Motorsport 7 aparentemente requer 100 GB livres de armazenamento — o que faria ele ganhar o título de maior jogo digital em espaço consumido no lançamento.

Forza Motorsport 7 sai em 3 de outubro para o Xbox One e Windows 10, com otimizações de uso no Xbox One X.