Uma das poucas surpresas realmente interessantes reveladas durante a VGX 2013, No Man’s Sky provocou a curiosidade do público tanto por seus visuais diferenciados quanto pelo fato de a desenvolvedora Hello Games ter revelado poucos detalhes sobre o título. Em uma entrevista concedida à Polygon, o desenvolvedor Sean Murray explicou mais sobre o título que convida o jogador a viajar ao centro de um universo gigantesco.

Segundo Muray, os jogadores são livres para explorar um universo gigantesco em busca de novos mundos que são criados de forma processual conforma são descobertos. O game possui um mundo online permanente, o que significa que cada localização que você descobrir um local faz com que ele esteja disponível para outras pessoas “O ato de descobrimento também é um ato de criação”, explica o estúdio.

Cada explorador espacial será capaz de fazer “mudanças significativas” às localizações do título, que vão se refletir na maneira como os demais participantes lidam com seus ambientes. A empresa afirma que o jogo não vai se focar somente na exploração, permitindo a realização de batalhas tanto no espaço quanto na superfície de planetas.

Embora No Man’s Sky ainda não tenha plataformas de lançamento especificadas, Murray afirma que a Hello Games está disposta a explorar as capacidades das “plataformas de nova geração”, oferecendo um gameplay renovado aliado a visuais impressionantes. Ou seja, podemos esperar versões do título para o Xbox One e para o PlayStation 4 (e provavelmente para os PCs), embora nada esteja confirmado até o momento.