A situação da IO Interactive, atual responsável pela franquia Hitman, parecia rumo ao fundo do poço. A empresa foi colocada à venda pela Square Enix e corria o risco até de perder os direitos sobre a sua principal franquia.

Só que o jogo virou. Em um comunicado emitido nesta sexta-feira (16), o CEO da IO Interactive, Hakan Abrak, confirmou que a empresa agora é um estúdio independente. Ela realizou o chamando buyout, ou seja, comprou da antiga dona uma quantidade de ações o suficiente para garantir o gerenciamento de si mesma.

De acordo com Abrak, isso também significa que ela mantém os direitos da franquia Hitman, sem mencionar outras propriedades intelectuais que enventualmente eram trabalho da IO Interactive.

Futuro incerto, mas confirmado

No comunicado, o CEO agradece aos jogadores que apoiaram a desenvolvedora nesse momento difícil e recapitulou a história da empresa, que começou independente e chegou a fazer parte de um seleto grupo de companhias que fazem títulos AAA. Ele ainda indicou que parcerias com grandes distribuidoras devem ser efetuadas no futuro.

"Estamos prestes a forjar o nosso próprio futuro e isso é incrivelmente empolgante. Agora, estamos abertos a oportunidades com colaboradores futuros e parceiros que nos ajudem a nos fortalecer como estúdio e garantir que possamos produzir os melhores games possíveis para a comunidade", escreveu.