Estreamos uma coluna para análises mais curtas aqui no TecMundo Games há algum tempo: a “Jogo Rápido”. Dando continuidade a esse novo tipo de texto no qual publicamos as nossas opiniões em três parágrafos, temos a oportunidade de compartilhar o nosso ponto de vista sobre o novo episódio de The Walking Dead: A New Frontier, intitulado The Walking Dead: A New Frontier – Acima da Lei.

Como muitos já sabem, aqui estamos acompanhando a saga de Clementine (velha conhecida dos fãs da série) e de Javier, personagem apresentado nesta temporada (você pode ler a nossa análise sobre os dois primeiros episódios clicando aqui). Este trecho dá segmento a esses eventos, como é possível conferir mais abaixo.

 ...

Talvez a forma mais prática de classificar The Walking Dead: A New Frontier – Acima da Lei é como um daqueles episódios do seriado no qual os confrontos contra os comedores de cérebro dão lugar a intrigas e conversas que existem com o único propósito de conduzir o jogador para algo maior.

Diferente dos episódios anteriores, o foco aqui está mais em Javier e no desdobramento de alguns eventos vistos anteriormente. Entretanto, Clementine não está totalmente esquecida, e podemos considerar uma boa sacada da Telltale o fato de já termos algumas respostas para questões levantadas previamente – e isso vale para ambos os protagonistas.

Talvez alguns reclamem do fato de que determinados personagens ou mesmo situações acabem sendo um pouco genéricas (um dos eventos vistos neste episódio vai se mostrar totalmente previsível), mas não há como negar que tudo está se encaminhando para que essa temporada termine de uma forma no mínimo satisfatória. Ao menos é isso que eu e muitos outros jogadores esperam de The Walking Dead: A New Frontier.