Atualização: consultada pelo TecMundo Games, a assessoria do Mercado Livre respondeu a nós e confirmou a proibição das vendas do Nintendo Switch e de produtos relacionados no site. Vamos deixar o posicionamento oficial deles aqui:

 “O Mercado Livre, companhia de tecnologia líder em e-commerce na América Latina, esclarece que a venda do Nintendo Switch por terceiros é proibida pela legislação brasileira, uma vez que o produto ainda não foi lançado no mercado nacional pela Nintendo ou distribuidor autorizado e também não possui os registros pelas agências reguladoras competentes. Desse modo, e conforme previsto em nossos termos e condições, o produto ainda não pode ser comercializado no site".

Notícia original: A Nintendo saiu oficialmente do Brasil há alguns anos, e mesmo na época não tinha uma produção 100% nacional de todos os seus produtos, sejam eles consoles, jogos ou acessórios. A alternativa sempre foi recorrer a vendedores do mercado cinza, como no Mercado Livre. Porém, isso irá acabar.

O Mercado Livre está restringindo a venda de produtos relacionados à marca Nintendo Switch. Até o momento, não há nenhum motivo aparente, mas as lojas que continuarem a anunciar jogos, consoles e acessórios novos do console pode ter o perfil suspenso ou excluído da plataforma.

As informações vêm da loja Alcatra Games no Facebook, que disse que só venderá o console novo da Nintendo através de requisições inbox na rede social. Entretanto, nada foi dito sobre Wii U ou Nintendo 3DS e, aparentemente, a restrição é somente ao Switch. Ainda não há nada confirmado, pois a loja foi uma das únicas a se manifestarem sobre o ocorrido, mas estamos averiguando essas informações.

Se o caso for real, há especulações de que isso pode estar relacionado à venda oficial desses produtos, que serão comercializados pela NC Games no Brasil (com jogos custando de R$ 329 à R$ 399, conforme noticiamos anteriormente), mas não há nada confirmado – e a decisão cabe ao Mercado Livre, e não a NC Games.

*O TecMundo Games entrou em contato com a assessoria do Mercado Livre para esclarecer o ocorrido, mas ainda não obtivemos uma resposta oficial. Assim que tivermos mais informações, atualizaremos essa matéria.