Na última segunda-feira (10), a Valve realizou o maior processo de banimento de contas da história do Steam. Segundo dados coletados pelo SteamDB, mais de 40 mil contas tiveram suas atividades encerradas pela empresa, por motivos que ainda não foram esclarecidos até o momento.

Segundo o SteamDB, os banimentos estão relacionados à violação do VAC, o software anti-cheat usado pela empresa de Gabe Newell. Em geral, o sistema proíbe o acesso somente ao game no qual a trapaça foi usada, mas casos mais graves podem resultar em cheaters perdendo suas contas completas.

O momento em que os banimentos aconteceu começa a fazer sentido quando levamos em consideração que uma Promoção de Verão do Steam foi encerrada há pouco tempo. Geralmente esse período é usado por trapaceiros que compram diversas cópias de games como Counter-Strike: Global Offensive para jogá-los usando softwares que garantem vantagens indevidas.

Outro dado interessante do processo massivo de banimentos é o fato de que, com isso, foram eliminados aproximadamente US$ 8.674 em itens estéticos como skins para armas e outros tipos de personalização. Consultada sobre o assunto, até o momento a Valve não fez qualquer pronunciamento oficial sobre a sua decisão.